Precisamos falar sobre 13 Reasons Why

by - 09:40:00

OLÁ, PEOPLEEEEEEE!! Como vocês estão? Caraca, que saudade daqui! Infelizmente tive um enorme problema com o login e não consegui ter acesso ao blog até ontem, 8. Então, o post novo é sobre a tão esperada série 13 Reasons Why (Os 13 Porquês), da Netflix. Quer tema melhor para voltar com tudo?
Baseada no romance de Jay Asher, a série conta a história de Clay Jensen, um estudante um pouco tímido, do ensino médio da Califórnia. Um dia, ao voltar da escola, o jovem encontra um pacote enviado anonimamente em sua porta. Após a abertura, ele descobre que é uma caixa de sapatos contendo fitas K7, com gravações da falecida Hannah Baker, sua colega que recentemente cometeu suicídio.

As fitas foram inicialmente enviadas para um colega com instruções para passá-las de um estudante para outro, no estilo de uma carta em cadeia. Nas fitas, Hannah explica á treze pessoas como eles desempenharam um papel na sua morte, apresentando treze razões que explicam porque ela se matou.
Hannah deu um segundo conjunto de fitas para esse seu colegas de classe, a identidade de quem Clay descobre mais tarde, e avisa as pessoas mencionadas nas fitas que se não repassá-las, as fitas irão vazar para todo o corpo docente. Isto poderia levar ao constrangimento público e vergonha de certas pessoas, enquanto outros poderão enfrentar caçoação física ou tempo de prisão. Através da narrativa de áudio, Hannah revela sua dor e sofrimento, e os slides em uma depressão que acaba por conduzir a seu suicídio.
Após a Netflix disponibilizar todos os episódios da série no último dia 31, 13 Reasons Why mobilizou as redes sociais por tratar de assuntos de extrema seriedade. No twitter, os usuários subiram várias hashtags antibullying, como: #NãoSejaUmPorque e #VocêNãoEstáSozinho.

A história de Hannah Baker é tão forte e real que, segundo a CVV (Centro de Valorização da Vida) incentivou o pedido de ajuda, que aumentou 100% depois da estréia da série que, ao contrário do que muitos pensam, não é apenas para adolescentes. O tema abordado é de uma importância extrema e serve para pais e toda a sociedade entenderem melhor o assunto e a necessidade de falar sobre ele. Quanto maior for o número de pessoas a assistirem, maior será a conscientização do problema. E maior será o número de beneficiados.

Se você já sofreu ou praticou bullying, recomendo muito, muito MESMO que assista. É um choque de realidade que nos faz parar pra pensar que podemos ser um "porquê" de alguém. Nunca senti a necessidade de divulgar uma série como sinto agora. A vontade que eu tenho é de sair espalhando cartazes escrito "Assistam 13 Reasons Why, por favor!". A relevância deste tema é indiscutível e me choca que ainda não seja levado a sério como deveria. Vocês sabem quantas pessoas tiram a própria vida por dia no Brasil? Bullying não é uma brincadeira. Depressão não é bobagem. Assédio não é elogio e estupro nunca, nunca é culpa da vítima. Lembrem-se: bullying pode custar uma vida, mas ser gentil não custa nada. A escolha é nossa.

Confira o trailer:

E quem já assistiu diz aqui nos comentários o que achou.

Beijos,


You May Also Like

1 comentários

  1. Olá!
    Eu li o livro recentemente e gostei demais. Comecei a ver a série, mas ainda não conclui (faculdade está atrapalhando minhas séries, hahah).

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir